sexta-feira, 27 de março de 2009

Ensaio 3: Macro - FLORES





VERSOS SIMPLES

Música: Grupo Chimarruts
Sabe já faz tempo que eu queria te falar,
Das coisas que trago no peito.
Saudade, já não sei se a palavra certa para usar,
Ainda lembro do seu jeito.
Não te trago ouro,
Porque ele não entra no céu,
E nenhuma riqueza deste mundo.
Não te trago flores,
Porque elas secam e caem ao chão.
Te trago os meus versos simples,
Mas que fiz de coração.
Sabe já faz tempo que eu queria te falar,
Das coisas que trago no peito.
Saudade, já não sei se a palavra certa para usar,
Ainda lembro do seu jeito.
Não te trago ouro,
Porque ele não entra no céu,
E nenhuma riqueza deste mundo.
Não te trago flores,
Porque elas secam e caem ao chão.
Te trago os meus versos simples,
Mas que fiz de coração.


6 comentários:

Ana Martins disse...

Bonito, quase parece uma canção!

Beijinhos,
Ana Martins

Andrea Vaz disse...

Lindas flores!!! Belíssima foto! O texto tb é muito profundo! Seu blog é pura emoção!

Andrea Guim disse...

Uau!!! Estão belíssimas!!! As tonalidades da segunda estão fantásticas!!!

Nanda disse...

cada coisa linda que tem aqui.

um beijo

Eduardo P.L disse...

Contamos com você na TERTÚLIA de 15 de Abril, com PRAZER.

Obrigado pelo banner da Tertúlia de Março!

Bjs

Daniel Savio disse...

O que importa o gesto em si, pois mesmo que as flores muxem, ainda estara o amor que o gerou(a menos que o mesmo muxe)...

Fique com Deus, menina Ivany.
Um abraço.